segunda-feira, 25 de julho de 2011


EMY WINEHOUSE: UM EXEMPLO A NÃO SER SEGUIDO



A morte da cantora inglesa Emy Winehouse no último final de semana virou manchetes nos meios de comunicação do mundo inteiro. O estilo de vida que a cantora levava de algum modo já indicava que mais cedo ou mais tarde isso iria acontecer. Era uma tragédia anunciada, só não se sabia quando nem de que forma aconteceria.

Apesar de seu envolvimento com drogas e dos frequentes escândalos nos quais se envolvia, conquistou fãs por várias partes do mundo. Inclusive no Brasil.

A morte da diva aos 27 anos de idade comoveu muita gente, mesmo quem não era fã de Emy ficou triste com a notícia de sua morte prematura. Mas uma coisa é certa: Emy Winehouse é um exemplo que não deve ser seguindo. Um alerta, principalmente para os nossos jovens do que as drogas são capazes de fazer na vida de uma pessoa. Elas seguem fazendo vítimas em todas as camadas da sociedade. Destruindo famílias.

Muitos coelhonetenses, jovens na sua maioria, vêm sendo seduzidos pelas drogas. Porém, aos que entram para esse submundo uma coisa é certa: A morte é uma questão de tempo. E ela já chegou para muitos aqui em Coelho Neto.
    

Nenhum comentário:

Postar um comentário